CFP • Coleção de Fungos Patogênicos

Serviços

Manutenção e Preservação de Culturas

Todas as amostras depositadas na CFP são preservadas por meio de ultracongelamento a -70ºC ou -190ºC, em nitrogênio líquido, e em forma de liófilo.

Fornecimento de Culturas

A CFP fornece cepas de agentes de micoses classe 2 para instituições públicas, sejam de pesquisa, serviços ou ensino. Por razões de segurança e saúde pública, linhagens de fungos de classe 3 não são fornecidas.

A solicitação é feita mediante o preenchimento e envio do Formulário de Solicitação de Material Microbiológico que pode ser obtido junto ao curador (). O serviço é gratuito, porém o transporte das cepas é por conta do solicitante.

Depósito de Culturas na CFP

A CFP continuamente expande o seu acervo com o depósito de cepas de agentes de micoses isolados de diversas fontes e regiões geográficas, derivadas de projetos de pesquisa acadêmica ou pelos serviços de saúde do país.

Solicitações de depósito são submetidas a uma análise prévia pela CFP para verificação de enquadramento no escopo do acervo. Cepas de agentes de micoses associadas a trabalhos científicos publicados ou em preparação, isolados ambientais ou clínicos relacionados a endemias regionais ou surtos em humanos e animais ou aqueles que representem manifestação clínica ou aspectos epidemiológicos incomuns são altamente relevantes para o acervo.

Os cultivos enviados para depósito devem ser transportados obedecendo às normas de transporte de material biológico em vigor. Maiores detalhes podem ser obtidos diretamente com a equipe da CFP ()

Categorias de Depósito

  • Depósito aberto (acervo de acesso público). Compreende os materiais biológicos e informação associada de livre acesso para a comunidade científica e indústria. Este material pode ser solicitado por pesquisadores e instituições nacionais e estrangeiras para fins de pesquisa e aplicações específicas, segundo normas de utilização definidas pela Convenção de Diversidade Biológica e Conselho de Gestão do Patrimônio Genético - CGEN. O depósito de microrganismos não tem custos para o depositante.
  • Depósito restrito (fornecido com autorização do depositante).
  • Depósito fechado (depósito confidencial): A CFP recebe material para fins de depósito fechado de cepas de importância para pesquisadores. Estes depósitos são sigilosos e, tanto o material como a informação associada, são processados e armazenados sob confidencialidade e mantidos independentemente do acervo da coleção pública. Estão incluídas nesta seção as linhagens provenientes de projetos específicos, onde a CFP é colaboradora. A CFP se reserva ao direito de manter estas linhagens por um prazo definido, quando estas devem ser transferidas para a categoria de depósito aberto ou devolvidas ao depositante (quando relacionadas a projetos científicos, as linhagens serão mantidas em depósito fechado pelo período do projeto).

Todos os depósitos são formalizados somente após a identificação do fungo por análise de morfologia, bioquímica e, em alguns casos, molecular. A CFP se reserva ao direito de não depositar linhagens controversas quanto à sua identificação.

Caracterização e Identificação

A CFP realiza serviços de caracterização e identificação de fungos patogênicos por análise de macro e micromorfologia, e testes bioquímicos.

As solicitações são feitas mediante o preenchimento e envio do Formulário para Solicitação de Identificação, Autenticação e Depósito que pode ser obtido junto ao curador ().


© 2018 Coleção de Fungos Patogênicos, Instituto de Pesquisa Clínica Evandro Chagas, Fundação Oswaldo Cruz